Jordy é reprovado de novo

fevereiro 14, 2012 at 1:01 pm 2 comentários

O Arnaldo Jordy não consegue administrar nem as contas de seu partido e quer se intrometer a administrar os recursos da prefeitura de Belém.

Como não quero que Belém vire uma decadente Marituba voto em outro candidato.

Leia o que diz um leitor do blogue:

Luiz,

Tenho lido aqui tua preocupação com as eleições pra prefeitura de Belém.

Vez ou outra estás tratando isso no blog. Eu queria te fazer uma provocação: Tu achas que um candidato que não consegue sequer prestar contas dos recursos recebidos pelo partido que ele preside tem condições de governar uma cidade tão complexa como Belém e seu orçamento de mais de dois bilhões de reais?

Vi que o PSDB, o PMDB, o PT, o PSOL, o DEM e até o PCdoB conseguiram aprovar suas contas. E só o PPS que não. Não achas que o partido (e sua burocracia partidária) demonstra demasiada incompetência?

O que tu pensas sobre isso?

Teu amigo Pedro Costa

olha:

ACÓRDÃO Nº 24.476

PRESTAÇÃO DE CONTAS N° 142-25.2011.6.14.0000 – Pará (Município de Belém)

RELATOR: JUIZ ANDRÉ RAMY PEREIRA BASSALO

INTERESSADO: PARTIDO POPULAR SOCIALISTA – PPS/PA (EXERCÍCIO 2010)

PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL. PARTIDO POLÍTICO. EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2010. DESAPROVAÇÃO. SUSPENSÃO DAS COTAS DO FUNDO PARTIDÁRIO.

A intempestividade na apresentação da Prestação de Contas Anual constitui mera irregularidade, não ensejando, por si só, a desaprovação das contas.

Não merecem aprovação as contas anuais partidárias cujas irregularidades não foram sanadas, em que pesem as reiteradas oportunidades concedidas para tal finalidade.

A desaprovação das contas anuais de partido político impõe a este a sanção de suspensão das cotas do fundo partidário, que deverá ser aplicada de forma proporcional, nos termos do disposto no art. 37, § 3º da Lei n.º 9.096/95 com redação dada pela Lei n.º 12.034/2009 e a partir da publicação desta decisão.

Contas desaprovadas.

ACORDAM os Juízes Membros do Tribunal Regional Eleitoral do Pará, à unanimidade, rejeitar as contas do PARTIDO POPULAR SOCIALISTA – PPS/PA, nos termos do art. 24, III da Resolução TSE n.º 21.841/04, impondo ao Diretório Regional do Partido, com fulcro no art. 37, §3º da Lei n.º 9.096/95, a sanção de 06 (seis) meses de suspensão das cotas do fundo partidário, a ser cumprida a partir da publicação desta decisão. Determinar comunicação ao Diretório Nacional do Partido, bem como ao TSE o inteiro teor desta decisão, para ciência e adoção das devidas providências, nos termos do voto do Relator.

Sala das Sessões do Tribunal Regional Eleitoral do Pará.

Belém, 07 de fevereiro de 2012.

Desembargador RICARDO FERREIRA NUNES-Presidente, Juiz ANDRÉ RAMY PEREIRA BASSALO-Relator, Dr. DANIEL CÉSAR AZEREDO AVELINO-Procurador Regional Eleitoral

Imagem: Google

Anúncios

Entry filed under: Sem categoria.

Rubi Tá tudo dominado

2 Comentários Add your own

  • 1. Maria de Jesus  |  fevereiro 14, 2012 às 5:51 pm

    sinceramente acho que o Jordy não é essa imagem toda que falam. tem que melhorar muito se quiser ser prefeito.

    Responder
  • 2. Anônimo  |  fevereiro 15, 2012 às 12:05 am

    Esse Jordy é só capa! Ele comprava voto lá em Garrafão. Ficha suja sem processo.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


fevereiro 2012
S T Q Q S S D
« jan   mar »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829  

Meu twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Contador do Diário

  • 304,686

%d blogueiros gostam disto: